Mesinha velha, agora nova e azul

23 nov

Lembram que no post Decoração Bossa Nova eu mostrei uma mesinha azul linda e reformada, na verdade um achado numa garage sale por uma pechincha?

Pois bem: desde aquele post eu queria ter mostrado como ela era antes. Isso dá mais graça ainda ao resultado, não é mesmo? Olha ela aqui:

Ela estava cheia de arranhões e lascas tiradas, marcas normais do uso e da ação do tempo. O legal do modelo desta mesinha de cabeceira é que ela é toda reta, ou seja, quando bati o olho, vi logo que seria bem fácil pintá-la. Quer dizer… fácil, fácil, não é… encarar o trabalho de reforma de um móvel, mesmo que pequeno como esse, requer muita paciência e atenção a alguns detalhes. 

É preciso, por exemplo, passar a lixa nele todo. Eu fiz uma foto que mostra como o móvel fica quando lixado, processo que ajuda a uniformizar a madeira novamente e a fixar melhor a tinta ou a cera que ele receberá:

Eu passei a lixa em cada cantinho da mesa. Resolvi que iria pintar inclusive em todas as partes de dentro do móvel, algo que me arrependi depois, mas vou explicar o motivo: é que acabei pintando também o local onde a gaveta corre pra dentro e pra fora. Porém, com as camadas de tinta, o local ficou mais grosso e a gaveta ficou mais difícil de abrir e fechar. Logo, fica a dica: se o corredor de gaveta também for de madeira, passe um spray (a tinta é um pouco mais fina do que o esmalte sintético) ou não passe nada, deixe natural, pois ele mal aparecerá também.

Durante o processo de pintura, comece por partes que você considera mais fáceis. Espere secar de um lado e depois pinte os outros. Por isso que eu disse que é preciso bastante paciência. As tintas de hoje secam até que rapidamente, mesmo assim, para o resultado ficar mais bem feito, eu sugiro sempre esperar de um dia para o outro.

Para acompanhar o processo de pintura (que, no caso, eu fiz com um rolinho pequeno e um pincel pequeno para os acabamentos), tenha sempre ao alcance uma lata de água raz, que é o líquido que limpa o esmalte. Ah! E não deixe também de forrar todo o ambiente e usar fita crepe para definir os espaços que você não quer pintados.

Para a mesinha, eu e Anderson fomos juntos à loja escolher a cor. Este azul é um esmalte sintético da Coral e a cor se chama “Grande Mar”. Lindão, né?

O resultado, vocês já conhecem! Mas eu não resisto e mostro mais um pouquinho!

Anúncios

5 Respostas to “Mesinha velha, agora nova e azul”

  1. Anacarolina Garcia novembro 24, 2011 às 9:09 am #

    Que graça, Carol. Adorei as dicas! Bjos

  2. Bárbara dezembro 13, 2011 às 12:02 am #

    Adorei Carol!!!! Linda!!!

  3. Jacqueline Cananea abril 10, 2012 às 3:17 pm #

    Maravilhosa esta mesinha, parabéns!

  4. Mari Rodrigues outubro 9, 2013 às 2:31 pm #

    Ficou linda e moderna, parabéns!
    No blog Studio Art & Casa, está acontecendo o sorteio de um quadro que eu pintei. Passa lá para conferir e participar, no link:

    http://studioartecasa.com.br/2013/10/06/quer-ganhar-um-quadro/

    Bjos, Mari.

  5. Arte Papel de Parede e Decoração fevereiro 12, 2015 às 1:54 pm #

    FICOU LINDO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: